Visão global e pessoal, sobre temas da actualidade Nacional.
publicado por João Ricardo Lopes | Sábado, 25 Setembro , 2010, 23:37

Caros amigos. leiam atentamente este artigo do Correio da Manhã e vejam como pode um clube - SPORTING - obter bons resultados.

 

«Sporting dá à Banca jogadores que não tem. Passivo cresce 21,4% e já vai nos 173 milhões de euros. Taxa de juro de empréstimos bancários (7%) é superior à da dívida pública.

 

O Sporting deu como garantia à Banca os passes de jogadores que ainda não detém, o que significa que os direitos de futuros craques que o clube venha a contratar passam a estar, automaticamente, hipotecados à Banca. A situação está explícita no relatório e contas da SAD leonina referente à época de 2009/2010. “No âmbito do contrato de abertura de crédito em conta-corrente com o BES e Millenium bcp foram prestadas garantias de créditos de bilheteira, créditos de garantia e créditos de passe”, refere o documento que sobre este último ponto acrescenta: “estão incluídos os direitos desportivos detidos ou a deter pela Sporting SAD relativos aos jogadores de futebol que tenham com ela celebrado um contrato de trabalho”. No final de Junho a Sporting SAD tinha um passivo total de 173 milhões de euros, um crescimento de 21,4% (30,5 milhões) face ao mesmo mês do ano anterior. Parte deste passivo diz respeito aos empréstimos contraídos pelo clube, que à mesma data superavam os 49 milhões de euros. No relatório de contas é possível ver que o Sporting tem um empréstimo obrigacionista de 19 milhões de euros sobre o qual paga um juro de 7,3%, o que na época passada significou quase 1,4 milhões de euros. Já o juro sobre os empréstimos bancários custou 587 mil euros. O total ascende assim a dois milhões. Para tal, contribuíram quatro empréstimos junto do BCP e do BES com uma taxa de juro de 7%. A SAD contava ainda com um empréstimo (de 6,5 milhões de euros) do BES com um juro de Euribor a 3 meses, mais 6%. Este empréstimo tinha de ser saldado a 9 de Setembro. O Correio Sport enviou diversas questões a José Filipe Nobre Guedes, administrador da SAD com o pelouro financeiro, mas passado mais de uma semana não obteve resposta a qualquer uma das perguntas. Assim não é possível saber se este empréstimo foi saldado ou se o clube contraiu novas dívidas para pagar as antigas. De assinalar que as taxas de juro suportadas pelo Sporting na maior parte dos seus empréstimos estão bastante acima dos juros dos títulos de dívida pública a 10 anos, que na segunda-feira atingiram o máximo de 6,394. No documento é ainda possível ler que a SAD “não tem vindo a seguir qualquer política de cobertura de risco de taxa de juro. As operações são contratadas com base nas suas necessidades de financiamento da actividade”. FUNDO COMPRA DOIS JUVENIS A 10 de Setembro, a Sporting SAD revelou à CMVM que vendeu a um fundo irlandês 50% dos direitos económicos de Eric Dier e Tobias Figueiredo, juvenis, de 16 anos. O fundo comprou ainda 50% do passe de Torsiglieri. Outra empresa adquiriu 40% de Mexer.»

 

Perante tudo o que atrás se refere, fica apenas uma ideia. Não vai ser fácil!


mais sobre mim
Setembro 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24

26
27
28
29
30


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO