Visão global e pessoal, sobre temas da actualidade Nacional.
publicado por João Ricardo Lopes | Terça-feira, 29 Março , 2011, 01:08
Quem se lembra ?

 

Amigos.
Acompanho a RTP desde 1973, altura em que cheguei a Portugal. Curiosamente, desde o mês de Março.
Ao longo dos anos, e durante muitos,foi a RTP a companhia de muitos nós. A única e boa companhia das longas e frias noites de inverno ou nos finais de dias quentes de verão. Era o tempo em que tínhamos (e até sobejava) o hoje procuramos e falta mais que o dinheiro. O TEMPO PARA VIVER!
À falta de melhor, podíamos compartilhar a sala com os amigos e, em são convívio, desfrutar de filmes, séries, variedades e, até os programas mais "chatinhos" como os do Maestro Vitorino D'Almeida, do escritor Nemésio e tantos outros que a memória atraiçoa. Até as "conversas em família", tinham o seu espaço. mas o tempo passou e anos idos, surgiram outras formas de entretenimento outras estações de televisão. Outros meios de diversão; outro tipo menos saudável de vida.Nem sempre tudo foi ou será do agrado. Nem sempre a fidelidade à estação foi ou é cumprida. Mas, no final,por mais voltas que se dê, é aqui que todos paramos.Agora já não se houve o Hino nem nos perfilámos perante a Bandeira. Isso não me impede, nunca, de passar a imagem para a RTP antes de desligar a televisão.
Muito fica por dizer,pois seriam necessárias horas ou dias. Mas uma coisa tem que ser dita. Os propósitos estritamente economicistas de um qualquer candidato a Governante, seja ele quem for, não poderá nunca sobrepor-se aquilo que é um dos nossos maiores e mais importantes tesouros. A nossa cultura. E a RTP, faz parte dela! 
Felizmente, vivemos num País onde ainda podemos respirar e falar livremente. Por isso, vou partilhar este comentário e deixar agregada a ideia. Se houve uma Geração à Rasca que pode manifestar-se por todo o País. Se nestas manifestações, participaram jovens e menos jovens que nem sabem a data de nascimento da RTP. Se para muitos, o serviço público de televisão é apenas isso, então é chegada a hora de lançar um enorme desafio. Que cada um publique,via redes sociais, o que significa para si a RTP. O que lhes faz recordar, o quanto é ou não importante a sua continuidade como TELEVISÃO PÚBLICA.
Um abraço.

mais sobre mim
Março 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
30
31


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO